Execução de Topsy | Hoje Na História

Hoje Na História, 4 de Janeiro de 1903

Há 117 anos, no dia 4 de Janeiro de 1903, a elefanta Topsy era eletrocutada, como forma de propaganda anti-corrente alternada, pela empresa de Thomas Edison. Topsy já havia sido “condenada à morte” pelos donos do parque de diversões onde ela era mantida cativa, o Luna Park, em Coney Island, no estado norte-americano de Nova Iorque, pois a elefanta havia se envolvido em diversos casos de problemas com o público, muito por conta de seu cuidador, alegadamente alcoólatra e displicente. Frederic Thompson e Elmer “Skip” Dundy, proprietários do Luna Park, inicialmente queriam que Topsy fosse enforcada, porém a American Society of the Prevention of Cruelty to Animals interviu impossibilitando que a paquiderme sofresse uma morte tão dolorosa, e nesse ponto entra Edison: em campanha publicitária contra a corrente alternada, marcada pelo magnata como perigosa, em uma tentativa de difamar George Westinghouse, executou publicamente Topsy. A morte da elefante foi filmada pela Edison Films, e a cópia desse filme conseguiu sobreviver e chegou aos nossos dias. A execução de Topsy serviu também de propaganda como forma “humanitária” de execução de prisioneiras, pois alegadamente não havia risco de dor para os apenados.

Topsy nos ensina que a crueldade contra animais também é um objeto histórico, sendo executado através dos tempos e das culturas humanas. O que você acha sobre esse assunto? Deixe a sua opinião nos comentários!

Na imagem foto de Topsy chegando ao local onde seria eletrocutada, se recusando a entrar na plataforma onde ocorreria a execução


Conheça nossa campanha de financiamento contínuo

Entre em https://www.padrim.com.br/cliopodcasts e ajude a partir de R$ 1,00 mensais a manter esse projeto no ar e produzindo cada vez mais conteúdo acessível para todas e todos.

Financiadores desse post

Alexandre Athayde, Claudia Bovo, Fabiana Jimenez, Henrique Mundim, Marcia Tereza Alfradique Quintella Diniz, Paula Guisard, Rosana Vecchia, Rosi Marques
Para todos vocês, nosso muito obrigado!

Siga o Clio nas Redes Sociais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.