Inicio da Revolta Árabe | Hoje Na História

05 de Junho de 1916

Formação de combatentes do exército árabe com a bandeira que mais tarde ficaria conhecida pelo Pan-arabismo, no deserto da Arábia.

Em 5 de junho de 1916, há 104 anos, o Xarife de Meca, Huceine Ibne Ali, deu início a revolta árabe contra o Império Otomano.

Os otomanos ocupavam a região da península Arábica desde o século XVI sempre concentrados nas regiões litorâneas deixando o interior desértico da península para as tribos árabes, muitas delas nômades. Com o início da primeira guerra, o Xarife Huceine Ibne Ali da início a revolta com a intenção de criar um estado árabe unificado desde Alepo, na Síria, até Áden, no Iémen. No primeiro ano da revolta os árabes reuniram cerca de 30.000 sodados para combater os otomanos.

Com o início da guerra os árabes se aliaram a outros dois inimigos do império Otomano, os Franceses e Ingleses que forneceriam armas e suplementos para as tropas árabes. Então enquanto os Ingleses atacavam o coração do império os árabes combatiam na península Arábica, sendo conhecidos por suas operações de sabotagem, principalmente ataque as os trens que levavam suprimentos para a retaguarda.

Uma figura emblemática da revolta árabe foi o tenente Thomas Edward Lawrence, ou Lawrence da Arábia. Como já era arqueólogo antes da guerra Lawrence tinha muito contato e simpatia com os árabes, o que auxiliou muito na sua atuação com os revoltosos.

A revolta terminou com a derrota do império Otomano em 1918. Porém os Árabes foram traídos pelos ingleses e franceses que impediram a criação do Estado Árabe Unificado com a colonização da região pelos dois países.


Conheça nossa campanha de financiamento contínuo

Entre em www.catarse.me/clio e conheça a nossa campanha de crowdfunding no Catarse, a partir de R$ 5,00 você já ajuda o Clio a se manter no ar e produzir mais conteúdos para vocês

Financiadores desse post

Cristina Lima, Elizabeth Santos, Gabriel Bastos, Gui Aschar, Hannah Lima, Lazaro Coelho, Paula Guisard, Rosana Vecchia, Suzana Athayde, Vanessa Spinosa

Para todos vocês, nosso muito obrigado!

Você também pode nos financiar via PicPay. Você pagou aquele boleto, deu cashback e você não vai usar, não vai fazer falta? Então porque não apoiar um projeto de comunicação e educação histórica. Procura a gente lá em https://app.picpay.com/user/cliohistoriaeliteratura

Siga o Clio nas Redes Sociais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.