Confra-ofensiva Republicana na Batalha de Guadalajara | Hoje Na História

16 de Março de 1937

Die grosse Winterschlacht um Guadalajara Anfang März begann die grosse Offensive der nationalen Truppen auf Gudalajara, deren Hauptstoss auf der Strasse Madrid – Saragossa (Carretera de Aragon) geführt wurde. Die ausserordentlich schweren Kämpfe nahmen einen wechselnden Verlauf; das Kriegsglück, das sich im Anfang den Nationalen zuneigte, wandte sich später den Roten zu. Kälte, Hagelsturm, aufgeweichter Boden und scharfe Winde erwiesen sich oft als schlimmere Gegner als das feindliche Feuer. Die Soldaten der ersten beiden freiwilligen Divisionen lagen fünf Tage lang in Schlamm und Dreck, ohne warmes Essen. Zum ersten Male im spanischen Bürgerkrieg wurden ausschließlich motorisierte Einheiten eingesetzt. Tankabwehrgeschütz in den vordersten Infanterielinien. Fot. H.G. von Studnitz Tankabwehrgeschütz in den vordersten Infanterielinien.

No dia 18 de março de 1937, há 83 anos, as forças republicanas lançavam a contra-ofensiva, que se mostraria vitoriosa em pouco menos de uma semana, contra as forças nacionalistas e italianas durante a Batalha de Guadalajara. Iniciada no dia 8 do mesmo mês, a Batalha de Guadalajara foi uma tentativa das forças nacionalistas da Guerra Civil Espanhola em acabar com o conflito através de um ataque forte e decisivo contra Madri, então nas mãos dos republicanos, conseguindo sitiar e impor algumas derrotas militares. As forças do Ejército Popular Republicano (Exército Popular Republicano, em tradução livre do castelhano) e as Brigadas Internacionais conseguiram resistir e depois virar o teatro da batalha e infligir uma vitória decisiva, que foi reverberada como uma elevação do moral dentro das forças antifascistas internacionais e a quebra do paradigma de impositivo militar de Mussolini, que estava apoiando as forças fascistas comandadas por Franco. Uma curiosidade sobre essa batalha: foi a primeira vez na Guerra Civil Espanhola que apenas unidades móveis foram utilizadas, com uso da infantaria bem reduzido.

Na imagem foto de soldados nacionalistas depositada no Bundesarchiv, o Arquivo Federal da Alemanha, no arquivo 183-2006-1204-500, de autoria de Hans Georg von Studnitz


Conheça nossa campanha de financiamento contínuo

Entre em www.catarse.me/clio e conheça a nossa campanha de crowdfunding no Catarse, a partir de R$ 5,00 você já ajuda o Clio a se manter no ar e produzir mais conteúdos para vocês

Financiadores desse post
Alexandre Athayde, Bruno Machado, Cristina Lima, Daniela Dias, Fabiana Jimenez, Gabriel Bastos, Gui Aschar, Hannah Lima, Luiza Athayde, Natália Castilho, Paula Guisard, Rosana Vecchia, Rosi Marques, Suzana Athayde

Para todos vocês, nosso muito obrigado!

Siga o Clio nas Redes Sociais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.