Ditadura Militar na República Dominicana | Hoje Na História

Hoje Na História, 29 de Novembro de 1916.

No dia 29 de Novembro de 1916, há 103 anos, os Estados Unidos assumem oficialmente o governo da República Dominicana e estabelecem uma Ditadura Militar. A República Dominicana, assim como outras ilhas e arquipélagos próximos a Miami, sofreu intervenção direta dos E.U.A, colocando a Doutrina Monroe em prática. Já em 1905 empresas Estadunidenses controlavam os serviços aduaneiros do país, intervinham abertamente na política institucional e financiavam golpes e conspirações. A instabilidade política pela qual o país passava no ínicio do séc. XX foi a justificativa perfeita para um golpe imperialista ser efetivado na ilha. Em 1906 o presidente Carlos Morales renunciou, deixando um vácuo no poder que culminou em uma sucessão de golpes, muitos deles organizados pelos E.U.A, a terra da liberdade. Em 1914 o presidente Woodrow Wilson ameaça capitanear uma intervenção no país, com a justificativa que o mesmo estava a beira de uma guerra civil. Eleições foram convocadas e foi eleito um novo presidente, o que não diminuiu a sanha do imperialista da “maior democracia do mundo”, o lacaio posto, Juan Isidro Jimenes Pereyra, não conseguiu com êxito colocar organismos estadunidenses para controlar o país, processo que culminaria em seu impedimento em 1916. Em novembro do mesmo ano, os E.U.A ocuparam o país e impuseram uma ditadura militar liderada pelo contra-almirante Harry Shepard Knapp. Um grupo guerrilheiro chamado Gavilleros se levanta contra a ocupação, porém são massacrados em 1921 pela força militar superior dos E.UA. A ocupação vai até 1924. Desde então os E.U.A tutelam os processos políticos na República (não sem resistências). Em 1965 há uma outra invasão militar por parte dos E.U.A. Essa é a democrática história do liberalismo yankee e suas centenas de intervenções em países da América Latina e Central.


Conheça nossa campanha de financiamento contínuo

Entre em www.catarse.me/clio e conheça a nossa campanha de crowdfunding no Catarse, a partir de R$ 5,00 você já ajuda o Clio a se manter no ar e produzir mais conteúdos para vocês

Financiadores desse post
Bruno Machado, Cristina Lima, Gabriel Bastos, Gui Aschar, Humberto Athayde, Karen Badollatto, Marcelo Kriiger, Natália Castilho, Paula Guisard, Rosana Vecchia, Rosi Marques, Suzana Athayde

Para todos vocês, nosso muito obrigado!

Siga o Clio nas Redes Sociais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s