O fim da menor Democracia | Hoje Na História

29 de Setembro de 1864


Há 156 anos, em 29 de setembro de 1864, era assinado o Tratado de Lisboa, último grande tratado de fronteiras entre os dois países ibéricos. Mas também marcava o fim de uma experiência de democracia direta que remonta à Baixa Idade Média: o Couto Misto (Coto Mixto, em castelhano).

Não se conhece exatamente a origem do microestado, ligado ao menos desde o século XII ao Castelo de Piconha e depois à Casa de Bragança que posteriormente tornou-se a última Diamantina monárquica de Portugal. Com uma área de cerca de 27 km², o Couto Misto era um conjunto de aldeias com autodeterminação, contando com diversos direitos e privilégios obtidos através de séculos de convivência com os dois grandes Estados Ibéricos.

Entre os privilégios, podemos contar com a possibilidade de poder escolher à vontade a nacionalidade espanhola ou portuguesa, tendo o casamento como o momento simbólico desta escolha. Também não eram obrigados a pagar impostos a nenhuma das coroas, e nem os homens eram constrangidos ao serviço militar e tinham porte livre de armas e as aldeias pertencentes ao seu território poderiam asilar qualquer condenado pelas justiças espanhola ou portuguesa.

Além disto, os habitantes do Couto tinham o direito ao autogoverno, através da eleição em sufrágio universal de um Juiz ou Alcaide que exercia as funções executivas e judiciárias e de dois níveis de poder legislativo, com uma Câmara de representantes de cada aldeia que contavam cada uma com a própria assembleia.

Sem dúvida alguma uma experiência singular, que merece mais que um dia de estudo.

Na imagem, uma rua de Rubiás dos Mistos, aldeia que fazia parte do Couto.

Conheça nossa campanha de financiamento contínuo

Entre em www.catarse.me/clio e conheça a nossa campanha de crowdfunding no Catarse, a partir de R$ 5,00 você já ajuda o Clio a se manter no ar e produzir mais conteúdos para vocês

Financiadores desse post

Alexandre Athayde, Claudia Bovo, Fabiana Jimenez, Gabriel Bastos, Gui Aschar, Henrique Mundim, Juliana Santoros, Paula Guisard, Pauline Kisner, Rosana Vecchia, Rosi Marques, Suzana Athayde, Tiago Tavares e Silva, Vanessa Spinosa

Para todos vocês, nosso muito obrigado!

Você também pode nos financiar via PicPay! Se você tem um cashback sobre então porque não apoiar um projeto de comunicação e educação histórica.

Procura a gente lá em https://app.picpay.com/user/cliohistoriaeliteratura

Siga o Clio nas Redes Sociais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.